• home
  • sobre
  • contato
  • favoritos
  • 101 em 1001
  • 21 de agosto de 2017

    RESENHA: SEJAMOS TODOS FEMINISTAS


    Oi gente! Como vocês estão? Espero que todo mundo bem, de verdade. Eu tinha comentado que o mês de agosto sempre passava devagar, mas só eu tô achando que esse mês tá passando muito rápido? Socorro. Daqui a pouco já é ano novo.

    Recentemente, eu li um livro incrível e sabe quando tu lê ou conhece algo que precisa ser compartilhado com todo mundo? Então, foi assim que eu me senti depois de ler Sejamos Todos Feministas. Depois de muito tempo, tem resenha aqui no blog. Vem ver:
    Título: Sejamos Todos Feministas. Autora: Chimamanda Ngozi Adichie. Editora: Companhia das Letras. Número de páginas: 63. 

    Sinopse: Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: ‘Você apoia o terrorismo!’”. Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora no TEDx Euston, que conta com mais de 1,5 milhão de visualizações e foi musicado por Beyoncé.

    Sejamos Todos Feministas é aquele tipo de livro que a gente consegue ler numa noite. É bem curto e por mais que ele seja pequeno, trata de um assunto muito importante, como já diz no título, o feminismo. Nessa leitura, pude perceber muitas coisas que nem se passavam pela minha cabeça e também aprendi algumas coisas que precisam ser compartilhadas.

    O livro não fala somente sobre o feminismo em si, mas também sobre como é a vida da mulher Nigeriana e todas as dificuldades que elas têm que passar por serem apenas quem elas são, mulheres. Chimamanda conta algumas das suas experiências e cada uma delas foram essenciais pra ela se tornar essa mulher tão incrível que é nos dias de hoje.



    Ela fala sobre nós, mulheres, que desde de pequenas temos que saber como devemos nos comportar, seja na roupa que vamos vestir ou até no modo de sentar (senta que nem menina). Que temos que ser muito inteligentes, mas não melhores que os homens. Que temos que ser mais bonita que a fulana e até que a fulana é a nossa rival. Que nós não podemos ser muito agressivas, mas se os homens forem tá tudo bem, afinal, eles são homens.

    "Perdemos muito tempo ensinando as meninas a se preocupar com o que os meninos pensam delas. Mas o oposto não acontece."

    O que mais me chamou a atenção foi a maneira de como as mulheres Nigerianas são tratadas. Eu sei que o Brasil está longe de ser uma maravilha também, mas fico imaginando em outros países, que possuem culturas completamente diferentes da nossa e que a vida da mulher, da menina e até mesmo da criança, se torna ainda mais difícil. Tem até uma frase que ela disse que fez todo o sentido: “A cultura não faz as pessoas. As pessoas fazem a cultura.”.

    O feminismo não é uma coisa ruim. Quando as pessoas começam a falar, muita gente fica assustada e alguns já te olham torto, mas acredito que em todos esses movimentos sempre vai ter alguém que vai falar que é uma coisa ou outra. Pesquisem, leiam ou assistam algo antes de dar palpite. E eu digo isso por mim mesma, antes eu achava que feminismo era algo ruim, mas depois descobri que sempre fui feminista.

    "A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo."



    É uma leitura bem curta e cada experiência da Chimamanda nos deixa de boca aberta. Se você não gosta de ler ou quiser assistir a palestra, basicamente com as mesmas palavras, é só clicar aqui. E mesmo que você não se considere feminista, dê uma chance.

    Esse, sem sombra de dúvidas, é um livro muito bom pra entender melhor esse movimento. Bem simples, curto, fácil de entender e reler pra aprender mais sobre, afinal, todos nós, homens e mulheres, temos que melhorar.
    E é isso, minha gente, espero que tenham gostado da resenha e que de alguma forma, tenha despertado a curiosidade de vocês. Conheci esse livro por indicação da Vic Ferreira e sou eternamente grata!


    Quem aí já leu? Alguém ficou com vontade de ler? Me contem, quero saber.
    Beijos! 

    34 comentários:

    1. Não conhecia mas acho que esse é um livro que eu leria sem dúvida! Sim sou feminista e com orgulho e acho que todos deveríamos ser! :)

      http://purflefox.blogspot.pt

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Coisa boa ler isso, Filipa! Que bom saber que estamos juntas nessa, mana. <3

        Beijos!

        Excluir
    2. Anw, eu quero esse livro!! Lendo sua resenha fiquei imaginando mesmo o quanto incrível ele deve ser. Essa frase é tudo: "A questão de gênero é importante em qualquer canto do mundo. É importante que comecemos a planejar e sonhar um mundo diferente. Um mundo mais justo."
      Adorei demais o post!
      beijos,

      www.marinaalessandra.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Fico muito feliz que tenha despertado a tua curiosidade, Mari! Essa frase é muito boa mesmo e é a realidade, né? Que bom que gostou, muito obrigada! <3

        Beijos!

        Excluir
    3. Eu li esse livro esse ano e fiquei encantada com a força dessa mulher. Me fez perceber que são nas pequenas coisas que vamos mudando o modo de pensar, de agir das outras pessoas. Tenho um filho de dois anos e meio, homem, branco. Menina, tu não imagina a responsabilidade que é pensar que tudo o que ele fizer a favor ou contra qualquer um é sua culpa. Eu tento educar ele o melhor possível, pra que ele saiba que mulheres e homens podem fazer o que quiserem, mas e se algo der errado? Não é nada fácil viver assim.

      Vidas em Preto e Branco

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ela é tão maravilhosa! Exatamente, é de pouquinho em pouquinho. Só imagino, Lary! E são essas crianças que fazem toda diferença, é ensinando eles, sobre as questões de gêneros e outras questões, que vai fazer toda a diferença no futuro. =)

        Beijos!

        Excluir
    4. Ai, eu sou louca por esse livro! Conheci a Chimamanda por causa daquele áudio dela em Flawless, sabe? Daí já vi essa palestra e nossa, a mulher é incrível! Vi também uma entrevista dela há algumas semanas atrás na Globonews e a minha admiração só aumentou. Esse livro tá na minha listinha há tempos, mas agora a vontade aumentou mais ainda, se é que isso é possível hahaha. Amei a resenha, Mands <3
      Um beijão,
      Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Sei sim, Gabs! Acredito que ela ficou mais conhecida por conta disso. Ela é incrível mesmo! Tu tem que ler guria, tu vai amar. Fico muito feliz que tenha gostado e se for ler, depois quero saber o que achou. Muito obrigada! <3

        Beijão!

        Excluir
    5. Eu AMO esse livro! Foi após essa leitura que eu percebi que sou e sempre fui feminista <3 Todo mundo devia ler ou assistir o vídeo. Gostei muito da sua resenha, enfatizou tudo que tem de bom no livro :3
      Beijos!

      claramenteinsana.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Muito amor envolvido! Todo mundo mesmo, Du. Vontade de indicar pra todo mundo, real. Que bom que gostou, fico bem feliz! Obrigada. <3

        Beijos!

        Excluir
    6. Não li, mas gostava.
      Um beijinho,
      http://myheartaintabrain.blogspot.pt/

      ResponderExcluir
    7. Parece um livro interessante :)

      https://mundodablue.blogspot.pt/

      ResponderExcluir
    8. Oi, tudo bem?
      Não li esse livro mas admito que fiquei MORRENDO de vontade de ler, parece ser incrível!
      Beijos
      www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
      Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=plwVPEYShNo&feature=youtu.be

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oiii! Tudo sim e por aí? Espero que bem também. E é incrível mesmo guria! Super indico, é muito importante e cheio de aprendizados. =)

        Beijão!

        Excluir
    9. Amazing post!
      Can you follow me? I follow you :)

      Have a nice day!
      murasakiiroanu.blogspot.com

      ResponderExcluir
    10. Olá,

      Não conhecia o livro, mas ele parece ser bem interessante.
      Dica anotada por mim.
      Bjs
      http://diarioelivros.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oiii! =)
        E é muito bom, Jé! Espero que goste. =)

        Beijos!

        Excluir
    11. Nossa, amei saber que ele é rapidinho de ler e tem tanta coisa interessante. Quero, sim, ler ele <3 Obrigada pela dica.


      Beijos
      Brilho de Aluguel

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. É bem rapidinho mesmo, li em uma noite e me apaixonei. Fico muito feliz que tenha gostado da dica e depois me conta o que achou, viu? <3

        Beijão!

        Excluir
    12. Despertou minha curiosidade sim. Gostei da temática do livro! Não sabia que a voz que começa Flawless é da Chimamanda :o mais genial ainda é que foi tirado de uma palestra. Nossa, genial mesmo! Não conheço muito dela, mas só de ter lido aqui essa resenha, já quero muito ler esse livro. Vou ver se encontro na bienal aqui do Rio que faltam poucos dias pra acontecer. Já até adicionei na wishlist. O bom de ser um livro curtinho é que dá pra levar a leitura na bolsa e ler nos tempos livros na rua mesmo.
      Beijos!

      www.likeparadise.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Uhul! Fico muito feliz em saber isso, Thami. Isso mesmo, vê se tu encontra na bienal e depois eu quero saber o que tu achou do livro, tá? Espero muito que goste, o livro é maravilhoso e a Chimamanda mais ainda. <3

        Beijos!

        Excluir
    13. Eu adoro livros curtinhos, de fácil leitura e com assuntos importantes. Não conhecia esse livro ainda, gostei :)

      https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Somos duas! Que bom que gostou guria, fico muito feliz com isso. =)

        Beijos!

        Excluir
    14. É um livro incrível mesmo Amanda! Adorei o post e a indicação. <3

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Uhul! Que bom que gostou, Camila. Muito obrigada! <3

        Beijão!

        Excluir
    15. Não conhecia esse livro, Amanda! Porém já amei!! Eu amo ler sobre o feminismo (infelizmente nunca li livros, somente na internet) e acho muito legal a importância que ele tem ganhado no mundo. Precisamos de feminismo, precisamos de mulheres que o apoiam e divulguem, e falem sobre o quanto ele é necessário. Infelizmente rola MUITO preconceito, mas o pior é quando as pessoas não sabem o que é e saem falando besteira, partindo pra ignorância, né? Mas é bom que tem aumentado cada vez mais o número de mulheres que se declaram feministas, isso me deixa muito feliz! <3

      Beijos!

      Letras na Gaveta

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Uhuhul! Que bom ler isso, Mari. Eu também nunca tinha lido nenhum livro sobre o feminismo, essa foi a primeira leitura sobre o assunto e eu curti demais! Exatamente. O feminismo é importante sim e nós precisamos dele, doa a quem doer. Rola muito preconceito mesmo, tem gente que nem sabe do assunto ou vê alguma notícia que não é verdadeira e já sai falando besteira, não aguento.
        Isso me deixa muito feliz também, Mari! <3

        Beijos!

        Excluir
    16. Olá, tudo bom?
      Eu estou achando rápido e devagar, é difícil explicar, acho que é pq eu estou de férias ai ao mesmo tempo que parece tudo rápido eu vejo que não tem nada KKKK não sei explicar scr
      Feminismo é ainda, infelizmente, um assunto muito complicado e realmente é retratado como um bando de mulher terrorista, vou adicionar esse livro na minha lista pq estava a procura de livros desse tipo. Além de tudo é curtinho <3
      Adorei a resenha!
      sessão proibida

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi, Lunii! Tudo sim e por aí? Espero que bem também. =)
        Hahahahaha deve ser por isso também. Eu achei que passou voando, sério. Tem muita gente que nem sabe o que é e já sai falando besteira sobre o movimento, é sacanagem. Que bom saber que tu gostou, fico muito feliz. E se for ler, me conta depois o que achou! Obrigada. <3

        Beijos!

        Excluir

    © Quebrar o Silêncio - 2016 | Todos os direitos reservados.
    Desenvolvimento por: Fairy Dream Design | Tecnologia do Blogger.
    imagem-logo